Festival do Cogumelo da Parreira

Três edições sempre a crescer e com muitas novidades

 A terceira edição do Festival do Cogumelo da Parreira decorreu entre os dias 1 e 3 de março e foi um sucesso, com muitas novidades e motivos de interesse para os muitos visitantes que passaram pelo certame.

Desde logo, destaque para as presenças de dois chefs de cozinha de renome: Chef Chakall, que esteve no sábado à tarde e cozinhou três receitas com cogumelos, contagiando o público com sua boa disposição; e Chef Marco Costa, que deliciou os visitantes com o seu bolo de chocolate e cogumelo.

Ao nível da área de exposição do festival, há a destacar duas novidades na edição de 2019: a criação do espaço Petiscomelo, onde a população da Parreira foi desafiada a confecionar alguns petiscos à base de cogumelo; e ainda o Infomelo, a zona central da exposição de cogumelos, onde estiveram representados os produtores, reunidos numa espécie de mercado à moda antiga, onde se pôde comprar cogumelos e saber mais sobre cada produto, graças ao dinamismo e ao conhecimento da micóloga, Marta Ferreira, a “guru dos cogumelos”.

Durante os três dias do certame, milhares de pessoas passaram pelo festival e puderem provar muitos pratos confecionados com cogumelos. Houve também muita animação musical, com destaque para a atuação de Rouxinol Faduncho (Marco Horácio) e do Dj Wilson Honrado que lotaram por completo o recinto na noite de sábado.

Na inauguração do festival, Paulo Queimado, Presidente da Câmara Municipal da Chamusca, destacou que, apesar do evento ter ainda uma curta história de três anos, tem sido uma iniciativa bem-sucedida. “Fez todo o sentido para o Município apoiar o desafio lançado pela União de Freguesias para a organização do festival, até porque identificámos que existiam vários produtores de cogumelos na Parreira e uma longa e antiga tradição na recolha e apanha de cogumelos silvestres nesta freguesia”, salientou o autarca, recordando que, na Parreira e localidades vizinhas, “o cogumelo foi o sustento de muitas famílias durante largas dezenas de anos”. “Este festival é a promoção do que de melhor se faz no concelho, mas também é uma forma de cativar outros produtores que vêm até à Parreira para participarem no festival e darem a conhecer a sua atividade económica”, sublinhou ainda o Presidente da Câmara da Chamusca.

Bruno Oliveira, presidente da União de Freguesias de Parreira e Chouto, destacou o sucesso no envolvimento da população e das associações na realização do Festival. “O festival está a ser cada vez mais marcante para a nossa freguesia e temos conseguido trazer cada vez mais pessoas à Parreira”, frisou o autarca, agradecendo de forma especial o envolvimento dos seniores da freguesia que, através da Academia Sénior, têm feito um trabalho fenomenal na decoração do evento. No total dos três anos, fizeram mais de três centenas de cogumelos à mão. As duas autarquias, em conjunto, têm procurado modernizar o evento, tanto ao nível das condições logísticas como das áreas de exposição e lazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *