Covid-19: Rotários em Portugal doam 400 mil euros.

Rotary Internacional doa 3 milhões de dólares.

Rotary em Portugal através da Fundação Rotária Portuguesa e dos 159 Clubes Rotários doam 400 mil euros para projetos de apoio ao Covid-19, quer seja na produção ou na aquisição de material para o combate ao Covid-19.

 O Rotary Club de Almeirim doou a:

  • Centro Social Paroquial de Bem Estar Social de Almeirim;
  • Associação de Solidariedade Social de Benfica do Ribatejo;
  • Associação de Apoio às Famílias de Fazendas de Almeirim;
  • Núcleo do Ribatejo da Alzheimer Portugal;
  • Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Almeirim;
  • UCSP e USF de Almeirim;
  • CPCJ – Comissão de Protecção de Crianças e Jovens em Risco de Almeirim;
  • Hospital Distrital de Santarém;

1.600 máscaras cirúrgicas e 450 viseiras para a proteção de cuidadores e profissionais de saúde. O donativo equivaleu a cerca de 3.000 euros.

 

Com uma campanha de recolha de donativos em curso e o apoio de empresas como:

  • Borrego Leonor & Irmão;
  • FutureView;
  • Head Solutions;
  • Caixa de Crédito Agrícola;

o Rotary Club de Almeirim pretende continuar este esforço de aquisição de Equipamentos de Protecção Individual (máscaras, luvas, viseiras, roupas protectoras) para o apoio daqueles que, de forma abnegada, se dedicam a cuidar e acompanhar os mais idosos e que são neste momento os mais vulneráveis ao contágio e às sequelas da infecção pela covid-19. Esta ação beneficia centenas de cuidadores e profissionais de saúde.

 CONTACTO:          Arnaldo Xarim – 968 022 226 – rotary-almeirim@sapo.pt

Para mais detalhes, aceda a http://www.rotaryclubalmeirim.org/portal/ ou https://www.facebook.com/RotaryClubAlmeirim/

Sobre o Rotary

O Rotary, é uma rede global de voluntários dedicados a desenvolver os maiores desafios humanitários do mundo, tem mais de 1,2 milhões de sócios (as) espalhadas por 35.000 clubes no mundo inteiro. Seja a ajudar famílias carentes ou a combater a paralisia infantil, a organização trabalha para melhorar a qualidade de vida das comunidades locais e internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *