Festival Internacional de Teatro e Artes para a Infância e Juventude

Continuando o novo ciclo de realização aberto em 2015, foi possível garantir o conjunto de condições, mesmo mínimas, para a realização do XII FITIJ – Festival Internacional de Teatro e Artes para a Infância e Juventude.

Em 2016, o FITIJ mantém o modelo ancorado nas artes performativas e ocorre de 1 a 9 de Outubro, retardando a sua realização para aprofundar uma relação mais estreita com o início do ano letivo do setor educativo do concelho de Santarém.

Apresentam-se espetáculos nacionais e estrangeiros, realizados por agentes profissionais e amadores, em salas de espetáculos, na rua e em espaços monumentais, ou não convencionais, como tem sido habitual desde a primeira edição.

Este ano, o FITIJ apresenta 20 ESPETÁCULOS de grupos artísticos de Portugal e outros 4 países estrangeiros – Brasil, Dinamarca, Espanha e Inglaterra,- num total de 7 áreas diferentes de acção artística: para além dos espetáculos, as oficinas CRIANÇANDO com 7 atividades artísticas e científicas para crianças; 2 EXPOSIÇÕES na área das artes performativas no TSB e W Shopping; 2 FORMAÇÕES em voz e dança, para professores e público em geral; o FÓRUM FITIJ, um espaço de encontro polivalente de grupos, debates temáticos, tertúlia, e música ao vivo; 4 FLASHMOB’s surpresa em espaços públicos; e 2 intervenções de ARTE URBANA, promovendo a criatividade e beleza das artes plásticas na cidade.

ESPETÁCULOS

BRASIL – DINAMARCA – ESPANHA – INGLATERRA – PORTUGAL

 EXTENSÃO DO FITIJ

ESPETÁCULOS NA REGIÃO

Festa de Contos

Companhia Teatro Encena – Brasil (Paraíba)

Sábado dia 1 – 16h00 – Coruche

em parceria com o Município de  Coruche

Time & Tide Dança Contemporânea

Chhaya Collective – Inglaterra

Domingo dia 2 – 18h00 – Teatro da Trindade – Lisboa

em parceria com a Fundação INATEL

Festa de Contos

Companhia Teatro Encena – Brasil (Paraíba)

Quinta-feira dia 6 – às 10h30 – Cine-Teatro de Almeirim

às 14h30 – Centro Cultural Fazendas de Almeirim

em parceria com o Município de Almeirim

CRIANÇANDO

Iniciadas em 2015, as oficinas CRIANÇANDO são o 2º pilar e uma das sete linhas de ação do FITIJ, propostas como espaço de atividades de experimentação artística e cultural, destinadas a crianças, jovens e famílias, onde todos poderão descobrir emoções novas e dar espaço à sua criatividade.

São 7 oficinas que estão à disposição dos interessados, apenas nos dias úteis de semana, na Incubadora d’Artes de Santarém e no Claustro Joanino da Catedral de Santarém, das 10h00 às 12h00.

CONSTRUÇÃO E MANIPULAÇÃO DE FANTOCHES

Oficina sob orientação da psicóloga educacional Sofia Vieira, da associação Aqui Há Gato. Construção de fantoches a partir de materiais reciclados. Uma forma de reutilizar o lixo/material reciclável é dar-lhe uma nova utilidade.

Por isso, vamos construir fantoches e com eles contar histórias!…

EXPRESSÃO DRAMÁTICA -TEATRO

Oficina realizada sob orientação da professora Berta Pereira. Brincando através da expressão dramática/teatro, aprendemos que vivemos com os outros e apenas respeitando os outros podemos fazer um bom trabalho coletivo.

MOVIMENTO (dança)

Oficina realizada sob orientação da professora Sofia de Almeida. Com som ou na sua ausência, vamos conhecer o nosso corpo, trabalhar a sua relação com o outro, com o espaço, diferentes dinâmicas, e depois… deixemos o nosso corpo falar… porque “O corpo diz o que as palavras não podem dizer” (Martha Graham)

OS SEGREDOS DA LUZ

Oficina realizada sob orientação da professora Maria José Luiz – Cenógrafa do Chapitô. Luz, cor e lentes. Oficina de experimentação lúdica. Partindo de materiais do quotidiano, descobriremos como a luz alegra as nossas vidas!

CIRCO E MALABARISMO

Oficina realizada sob orientação do animador cultural Gonçalo Neto. “Brincadeira” circense de malabarismos com bolas. Primeiro, manipulação de 1 bola, depois treino com 2 bolas, e… Op! Três bolas no ar. Já está! Toca a jogar, vamos brincar…

MÚSICA

Oficina realizada sob orientação da professora Laura Esperança – Companhia das Artes. O objectivo do workshop de música é desenvolver a criatividade, a sensibilidade da criança, relativamente ao som e à organização sonora. Através de jogos e aventuras musicais, desenvolver a audição, percepção, imitação, interpretação e improvisação sonora/musical.

CORO E ÓRGÃO

Oficina realizada sob orientação de: David Paccetti Correia – professor de órgão, e Pedro Rollin Rodrigues – professor de coro. Experiência individual e colectiva na sala de ensaios e tribuna da Catedral, com o único coro-escola de pequenos cantores oficialmente associado a uma catedral em Portugal – a Schola Cantorum da Catedral de Santarém. Experimenta-se a música eterna: canta-se em coro e toca-se órgão.

EXPOSIÇÕES DE FOTOGRAFIA

“PALCOS” – Teatro Sá da Bandeira 

Apresenta-se uma visão global do FITIJ-2016, envolvendo os visitantes numa partilha das actividade artísticas que fazem de Santarém “palco do mundo”, e que tem por objectivo informar visualmente e documentalmente tudo o que os públicos poderão contemplar nesta XII edição do Festival.

 “EM CENA” – W Shopping

Exibe-se o trabalho profissional e artístico dos “criadores de imagens”, com a sua importante atividade, ao serviço do concelho e da região. Fotos dos espetáculos do FITIJ neste espaço comercial, para cativar público para as atividades do Festival, apresentadas de forma criativa, numa curadoria de José Gaspar.

FORMAÇÃO

Ações de formação e desenvolvimento de novas competências para os profissionais da educação, especialmente professores(as), e alargada aos agentes culturais e a todos(as) que pretendam melhorar os seus conhecimentos.

Oficina de Dança Contemporânea

Chhaya Collective – Kay Crook – Inglaterra

Terça-feira dia 4 – 18h00 – Conservatório de Música de Santarém

Oficina de Voz

“A Voz na Prática Docente”

Formadoras: Professoras Margarida Togtema  e Célia Barroca

De 3 a 7 – Associação Internacional Luso-Brasileira Integração, Arte e Cultura

Destinada a Educadores/as e Professores/as dos vários níveis de ensino, tem por objetivos valorizar a voz como instrumento de comunicação, identificar más práticas de utilização da voz, e maior sensibilização de todos para a sua correção.

Parceria e creditação de Professores – Centro de Formação da Lezíria do Tejo

FÓRUM FITIJ

Espaço polivalente destinado à troca de experiências dos participantes. Mostra dos processos de criação, workshops, debates temáticos, e convívio/festa no stand Auto-Girar.

TERTÚLIA

Espetáculo de Artes Visuais: periferia e refração

Segunda-feira dia 3 – 18h00 – na Residência Pedro Álvares Cabral, com organização da Tertúlia do Instituto Politécnico de Santarém – Escola Superior de Educação de Santarém. Colóquio com participantes do FITIJ, jovens estudantes e professores.

ARTE URBANA

MARCAS DA CIDADE

As intervenções artísticas em espaços urbanos começam agora a ser mais aceites, na região, dando expressão ao ímpeto criador e inovador dos artistas, que ganham uma maior visibilidade do seu trabalho. Comungando desta perspectiva, o FITIJ promove os artistas do concelho, mais uma vez de forma concertada, mostrando 2 dos trabalhos de jovens artistas scalabitanos em espaços públicos e privados.

Ficarão novas marcas na cidade…

INSTALAÇÃO – “REFUGIUS

Calçada 66  – W Shopping

Criação de João Maria Ferreira

A arte pode também ser considerada como uma arma de combate perante injustiças sociais, guerras, e momentos menos bons da existência humana. Uma forma ou ângulo diferente de olhar e entender o tema dos refugiados, que nos assola diariamente e para o qual se chama a atenção, através de uma escala grande humana (literalmente falando), faz com que as pessoas, confrontadas com a instalação, possam contribuir de forma real, eventualmente através de donativos monetários, ou partilhando o projeto nas redes sociais, que ajudem realmente os milhares de refugiados que chegam diariamente a solo europeu… Esta instalação agrega-se àquilo que é o poder da Arte enquanto mote divulgador para causas maiores.

 INTERVENÇÃO MURAL – “DREAM-WALKERS

Traseiras do W Shopping

Criação de Francisco Camilo

Intervenção no espaço urbano com a criação de figuras como uma espécie de elementais. São cabeças gigantes que flutuam no espaço e transportam consigo (como se fossem cabelos) uma série de outros elementos: planetas, raízes, sólidos que se tornam em elementos arquitetónicos da cidade. Pretende-se que as cabeças destas figuras flutuem no espaço de toda a superfície intervencionada e que alguns dos sólidos figurados emerjam da parede como peças de escultura elaboradas em plástico.

MÚSICA NA PEDIATRIA

HOSPITAL DISTRITAL DE SANTARÉM

As crianças internadas no Serviço de Pediatria do Hospital Distrital de Santarém vão ouvir, diariamente, músicos do Conservatório de Música de Santarém. Uma iniciativa que certamente contribuirá para a suavização da atmosfera hospitalar nas emoções das crianças.

 ANIMAÇÕES IMPREVISTAS

FLASH MOB’S

A intervenção de grupos artísticos no quotidiano da cidade:

sábado 1 – 13h00 – W Shopping

segunda 3 – 18h30 – Rodoviária Tejo

terça 4 – 18h30 – Rodoviária Tejo

sexta 7 –  18h30 – W Shopping

Participação do Coro do Círculo Cultural Scalabitano, grupo brasileiro Teatro Encena,

e Grupo Rufos Lusitanos da Associação Cultural Cantar Nosso (Golegã)

OUTROS EVENTOS

CHÁ COM…

Animação/Convívio com os grupos da Dinamarca, Brasil e Inglaterra

Dias 3, 4 e 6 – 17h00 – Inatel Santarém

TRICOTADEIRAS DE SANTARÉM

Objectos do dia-a-dia decorados com lã, pompons que floreiam varandas, bolas que surgem do ar, e cortinas de barretes, fazem parte da intervenção artística urbana que, este ano, as Tricotadeiras de Santarém trazem ao FITIJ.

 A MÚSICA DO PEDRO

Sexta e sábado, dias 7 e 8 – 11h00 – Bar TASCÁ

Pedro Magalhães “toca p’rá gente!”

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *