DSC_8599

A ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas, inaugurou este sábado a 51ª Feira Nacional da Agricultura/ 61ª Feira do Ribatejo com a Ministra espanhola da Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente de Espanha, Isabel García Tejerina. As duas ministras puderam comprovar a dimensão do evento, que este ano bate recorde de expositores. O mundo agrícola português atravessa um bom momento, tal como Assunção Cristas disse na inauguração oficial: “Este ano a Feira tem mais 20% de área e de expositores do que o ano passado e isto que vemos é o que se tem passado na agricultura do nosso país a aumentar produções e a aumentar as suas exportações. Mostra em como o sector está dinâmico, está a crescer e eu creio que vai dar um bom contributo para o país”.
A Feira prolonga-se até ao próximo dia 15 de Junho, no Centro Nacional de Exposições (CNEMA), em Santarém.
Há um espaço de exposição dedicado à iniciativa “Portugal Sou Eu” que tem como objectivo valorizar a produção nacional e promover os produtos nacionais, programa este do Ministério da Economia e do Emprego.
O evento incide na temática da “Produção Nacional”, no sentido de realçar a importância dos produtos portugueses no sector agrícola, nomeadamente através da realização de actividades como seminários, colóquios, apresentações de produtos e demonstrações.
No Salão “Prazer de Provar” estão agregados o Salão Nacional do Azeite, o Salão Nacional da Alimentação e o Festival Nacional do Vinho e Lusoflora de Verão.
Ontem, dia da inauguração, pôde-se assistir também ao showcooking ” O requinte da simplicidade” com o chef José Maria Lino, na Nave A.
Depois da inauguração oficial o secretário-geral do PS, António Seguro, estará no CNEMA hoje, a partir das 12 horas. No dia 9 visitam o certame Paulo Portas, Assunção Cristas e Pedro Passos Coelho.
Diferentes raças autóctones bovinas nacionais e internacionais, dezenas de equinos representando as principais coudelarias nacionais, suínos de raça bísara e raça alentejana, caprinos, ovinos e aves apresentam-se diariamente ao público que visita a Feira.
Ao longo dos nove dias a animação está garantida com concertos, largadas de toiros, desfiles de campinos, música popular, entre outros.

Vânia Cláudio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *