CÂMARA DE ALPIARÇA APROVA TAXA MÍNIMA DE IMI (0,3%) PARA 2015
ALPIARÇA ESTÁ ENTRE OS CONCELHOS COM TAXA MAIS BAIXA DE IMI

A Câmara Municipal de Alpiarça aprovou o valor percentual de 0,3 (taxa mínima) para os prédios urbanos já avaliados no âmbito do código do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI). A proposta será submetida à aprovação da Assembleia Municipal.
Assim, Alpiarça continuará a ser um dos municípios do País com a taxa mais baixa deste imposto.
Mesmo num quadro de grandes dificuldades financeiras e de um enorme esforço diário para recuperar financeiramente uma autarquia que em 2009 estava numa situação de ruptura, a opção pela taxa mínima significa que o Município de Alpiarça encaixará em 2015 menos 400.000 euros de IMI do que encaixaria com uma taxa de 0,5%.
A cobrança da taxa mínima de IMI, conjugada com a perspectiva de diminuição de outros impostos e receitas municipais, bem como com a continuidade da grave situação económica e social do País, poderá provocar algumas dificuldades à regular actividade e à capacidade de realização e de investimento do Município.
No entanto, avaliada a situação, impõe-se a manutenção desta taxa mínima de IMI, como importante contributo – o possível, por parte do Município – para aliviar os alpiarcenses da pesada carga fiscal e da política de empobrecimento que tem vindo a ser imposta aos portugueses.
É, por isso, uma opção consciente – e clara – em favor da grande maioria da população do concelho.

10668925_708490079227012_27

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *