A Programação em Rede, promovida pela Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo, apresentou no passado sábado, dia 7 de agosto, o resultado de mais uma residência artística do projeto, desta feita o “Valoriz’Arte | Estátuas Vivas”.

Seis estátuas foram apresentadas nos claustros do Convento de São Francisco, em Santarém, dinamizadas pelos Quideia Animações.

Após 5 dias de residência, os participantes tiveram a oportunidade de criar uma nova estátua viva – de Braamcamp Freire – e aprender a preparação e elaboração de fatos, maquilhagem, performance, construção de personagens, ética, postura de trabalho e tantos outros segredos de quem já tem vasta experiência nesta área.

Para além da estátua de Braamcamp Freire, os visitantes puderam conhecer a Rainha D. Leonor, Le Sommelier, Minerva, Liberdade e O Segredo.

Esta é mais uma atividade integrada na Programação em Rede, uma iniciativa da CIMLT, em parceria com os onze municípios da Lezíria do Tejo, com o apoio da União Europeia (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional), Portugal 2020 e Alentejo 2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *