Ourém e Teruel: dois territórios Ibéricos num trilho comum

Uma comitiva de Teruel, Espanha, visitou o Município de Ourém na semana passada. A iniciativa contou com a presença do alcaide desta cidade, Manuel Blasco, a chefe do gabinete, Teresa Ros e a gerente de la Fundación Bodas de Isabel, Raquel Esteban e teve como principal objetivo dar continuidade aos contactos iniciados há quatro anos, estabelecendo pontes de ligação entre as duas cidades.
Os aspetos comuns entre os dois municípios são as questões patrimoniais, ao nível das influências católicas e islâmicas bem patentes na arquitetura (Teruel tem como ex-líbris elementos de arte mudéjar classificados património mundial da Unesco). Os dinossáurios são outro elo de ligação entre Ourém e Teruel, havendo estudos que comprovam que as pegadas existentes na Pedreira do Galinha, no Bairro, foram produzidas por um dinossáurio da espécie que foi encontrada pela equipa do parque da Fundação Dinopólis em Teruel. Esta conclusão foi inclusivamente apresentada por Luís Alcala, presidente desta fundação, aquando da sua passagem por Ourém, onde falou sobre esta temática numa iniciativa promovida no Museu Municipal. Na ocasião lembrou que “Ourém e Teruel estão mais ligadas do que podíamos imaginar. Há 950 milhões de anos já tínhamos iniciado esta ligação”.
A visita da comitiva espanhola centrou-se na passagem por alguns pontos turísticos do concelho, concretamente pelo Monumento Natural das Pegadas dos Dinossáurios, onde foi feita uma explicação pormenorizada por José Manuel Alho, especialista nesta matéria e ex-vereador do Município de Ourém, que encetou os contatos com Teruel.
Com esta parceria pretendem desenvolver-se projetos de valorização patrimonial e promoção turística em temas comuns e complementares (exemplos: património paleontológico e monumental); missões empresariais; cooperação em missões técnicas e na partilha de conhecimentos; intercâmbios juvenis vocacionados para as áreas da natureza, do património e do lazer; projetos científicos e museológicos, em especial na área da Paleontologia; simpósio Ibérico sobre Geodiversidade e Paleontologia.

Teruel4

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *