PRESIDENTE DA CÂMARA DE OURÉM APRESENTOU COMUNICAÇÃO NA CONFERÊNCIA INTERNACIONAL SOBRE TURISMO RELIGIOSO E PATRIMÓNIO, QUE DECORRE EM UTRECHT- HOLANDA

O Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Paulo Fonseca, apresentou esta 5ª feira uma comunicação na Conferência da OMT (World Tourism Organization) sobre Património Religioso e Turismo, genericamente intitulada “Como aumentar o turismo relacionado com o património religioso numa sociedade em mudança” e organizada conjuntamente pela Agência para o Património Cultural dos Países Baixos e do Mundo – Organização de Turismo, que decorre em Utrecht, na Holanda.
Neste evento, no qual Paulo Fonseca foi orador, esteve em foco a temática do turismo relacionada com o património religioso, que é hoje um fenómeno internacional, envolvendo milhares de pessoas de diferentes nacionalidades tendo a Conferência discutido esse contexto, procurando dar destaque ao enriquecimento e atratividade dos destinos e como estes contribuem para o turismo internacional e o crescimento económico.
Segundo os promotores, “a cooperação entre as administrações do setor do turismo, as organizações setoriais e as comunidades locais têm mostrado abertura para uma abordagem bem sucedida na promoção do património religioso e nesse sentido, o evento será complementado por uma cooperação estreita entre a OMT, a Agência para o Património Cultural dos Países Baixos, o Museu Catharijneconvent e o Centro de Arte Religiosa e Cultura (Flandres).
O convite para a intervenção de Paulo Fonseca decorreu do seu conhecimento e experiência em turismo religioso, tendo em conta as celebrações do centenário das aparições de Nossa Senhora de Fátima e a visita do Papa Francisco, a Fátima, em 2017.
O Presidente da Câmara de Ourém referiu neste fórum que “o turismo de segmentos, com a globalização, integrou-se. Uma motivação de viagens, tem hoje, objetivos múltiplos, mesmo que tenha uma motivação prioritária”, acrescentando que “a mesma pessoa pode deslocar-se a Fátima por uma motivação religiosa, depois deseja fruir a gastronomia local, conhecer a oferta cultural, participar num evento e pode acabar esse mesmo dia num bar ou discoteca”.
Paulo Fonseca referiu ainda na sua comunicação que “há uma motivação cultural, de fé, de ambiente, sustentada por um património existente, mas que necessita de complementaridade”, frisando que “Fátima é um lugar sagrado, conhecido em todo o mundo. Um lugar prestes a comemorar o centenário das aparições de Nossa Senhora, em 1917, e como tal acredito que tem uma grande capacidade de crescimento”, referindo a estratégia consagrada em 3 pontos:
• “respeitar a mensagem religiosa – a motivação principal. Preservar o ambiente espiritual, a história, o património material e imaterial, a fé…
• assegurar a requalificação urbana – Em Fátima temos uma excelente organização mas tem de ser sempre considerada e modernizada (o turista é cada mais exigente e conhecedor).
• competitividade económica, acompanhando a qualidade das empresas, dar atenção aos mercados, acompanhar os preços, apostar na qualidade das ofertas, perspectivar novos mercados.”
O Presidente do Município de Ourém referiu-se ainda à dinamização de parcerias ativas com outras entidades similares sendo disso exemplo, a realização em Fátima de dois eventos como sejam o CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIDADES-SANTUÁRIO, a realizar de 10 a 12 de Novembro e a 5ª edição do WORKSHOP INTERNACIONAL DE TURISMO RELIGIOSO, a realizar a 10 de março de 2017 também em Fátima. Paralelamente referiu nesta conferência aos complementos de oferta, devido ao desejo de fruição transversal do turista, como serão a Vila Medieval de Ourém; o maior trilho de pegadas de dinossáurios do mundo; 4 monumentos património da humanidade, considerados pela UNESCO, na envolvente regional e a proximidade com Lisboa e Porto, a uma hora de distância, para além de outros locais de culto religioso.
Paulo Fonseca terminaria afirmando “Ourém tem 6,7 milhões de visitantes por ano. Isso representa um grande potencial económico”.

img_20161006_131022 img_20161006_155102

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *